DISSIDENTE-X

DISCURSO TOTALITÁRIO. Protótipo.

leave a comment »

Então… li que os antigos EUA…

estão tão desesperados por medicamentos que, supostamente…

enviaram vários contentores de trigo e tabaco.

Disseram que foi um gesto de boa vontade.

Quer saber o que penso?

Está a ver o meu programa, então, assumo que sim…

Acho que chegou a hora das “Colónias” saberem o que realmente pensamos delas.

Creio que é hora de nos vingarmos da “Festa do chá… “

que nos deram há algumas centenas de anos atrás.

Sugiro que vamos às docas esta noite despejar essa porcaria…

no rabo cheio de úlceras dos EUA. Quem está comigo?

Quem está comigo?

Gostaram dessa?

Rabo cheio de úlceras dos EUA! O que mais posso dizer?

Era um país que tinha tudo. Tudo mesmo.

E agora, 20 anos depois, é o quê?

A maior colónia de leprosos do mundo.

Porquê?

Ateísmo!

Repetindo: Ateísmo!

Não foi a guerra que começaram,

nem a praga que criaram, foi Julgamento Divino.

Ninguém escapa ao seu passado.

Ninguém escapa ao Dia do Julgamento!

Acreditam que Ele não está lá em cima?

Acreditam que Ele não está a vigiar todo este país?

De que outra forma explicariam?

Ele testou-nos e passamos.

Fizemos o que foi preciso.

Islington, Enfield.Estive lá e vi tudo.

Imigrantes, muçulmanos, homossexuais, terroristas,

degenerados cheios de enfermidades.

Tivemos que eliminá-los!

Força através da União.União através da fé.

Sou um inglês temente a Deus e tenho orgulho disso!

↔↔↔

Minuto 2.5 do filme “V” for Vendetta”. Vemos Evey Hammond, (Natalie Portman) a protagonista do filme, a preparar-se para sair de casa. A televisão está ligada. Ela escuta este discurso na televisão. O personagem que o profere chama-se Lewis Prothero, conhecido como “A Voz de Londres”. É um propagandista oficial do regime totalitário descrito neste filme. Tem o seu programa de televisão semanal, onde discursa para os britânicos.

Todos os elementos próprios de um sistema de ditadura estão aqui. O fanatismo e o incitamento ao ódio ( neste caso aos EUA), a descrição dos inimigos (ateístas, muçulmanos, homossexuais, degenerados com doenças, etc…), a comparação com os males do outro país, as invocações místicas-religiosas de um Deus exclusivo que vela somente pela Inglaterra, terminando com o slogan ” União através da força; Força através da fé”- Sou um inglês temente a Deus e tenho orgulho nisso.

A próxima vaga de totalitarismo usará a televisão (meios de comunicação + tecnologia) e Deus para incitar ao ódio ao diferente, seja ele qual for e porque razão seja. Por exemplo – um programador de computadores que use Linux em vez de Microsoft será diferente? Um utilizador de computadores que use Linux será diferente?

Um exemplo:

Porquê?

Ateísmo!

Repetindo: Ateísmo!

Imigrantes, muçulmanos, homossexuais, terroristas,

degenerados cheios de enfermidades.

Tivemos que eliminá-los!

Porquê?

Linux!

Repetindo:Linux!

Programadores open source, beta tester´s de Linux, Utilizadores de software livre, degenerados cheios de Freeware.

Tivemos de eliminá-los.

Espero que se perceba o que estive a escrever.

Relacionado com isto AQUI

Relacionado com isto AQUI

Anúncios

Written by dissidentex

04/02/2008 às 20:59

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: