DISSIDENTE-X

NETWORK. TELEVISÃO. FILME.

leave a comment »

Edward George Ruddy morreu hoje!

Edward George Ruddy era o Presidente do Conselho de Administração da “União dos Sistemas Televisivos”… e morreu hoje às 11 horas da manhã, de ataque cardíaco.

É um problema para nós! Estamos tramados agora!

Mas qual é o problema? Afinal, um velho rico baixinho de cabelo branco morreu. E daí?

Que influencia isso terá no preço do arroz, certo?

E porque é que isso nos diz respeito?

Porque vocês… pessoas… e 62 milhões de outros americanos estão a ouvirem-me nesse exacto momento.

Porque menos de 3 por cento de vós lêem livros.

Porque menos de 15 por cento de vós lêem jornais.

Porque a única verdade que vocês conhecem é a que sai desta caixa preta.

Neste preciso instante existe uma geração inteira…que nunca aprendeu nada que não tivesse saído desta caixa preta!

Esta caixa preta é o Evangelho. É a “última Revelação”.

Essa caixa preta pode criar ou remover…Presidentes, Papas e Primeiros Ministros.

Esta caixa preta é a maior força que existe em todo o mundo de Deus…e estamos tramados se ela cair nas mãos de pessoas erradas!

E estamos tramados por isso, porque Edward George Ruddy morreu.

Porque esta Estação de TV está agora nas mãos da CCA…

A Corporação de Comunicação da América. Há um novo Presidente da administração…no comando dessa Estação de TV, chamado Frank Hackett… sentado na cadeira do Sr.Ruddy, no 20º andar.

E quando a 12º maior empresa do mundo…controla a maior e mais fantástica máquina de propaganda…do mundo inteiro…quem saberá que merda será negociada como sendo a verdade nesta Estação de TV!

Escutem-me! Escutem-me!

A Televisão não é a verdade.

A Televisão é uma porcaria de um parque de diversões!

A Televisão é um circo, um Carnaval, um bando de acrobatas em viagem… contadores de histórias, dançarinos, cantores, malabaristas… encenadores de programas de mentiras, domadores de leões e desportistas.

EEstamos num negócio onde o que importa é matar o aborrecimento.

Por isso, se querem a verdade, procurem um Deus.

Vão ter com os vossos gurus.

Procurem no interior de vós!

Porque lá é o único lugar onde encontrarão realmente a verdade.

Mas… vocês sabem que nunca irão obter qualquer verdade vinda de nós.

Dizemos qualquer coisa que queiram ouvir.Mentimos descaradamente…

Afirmamos que o polícia apanha sempre o assassino… e que ninguém nunca ninguém sofre de cancro na casa do Archie Bunker.

Não importa quantos problemas o herói tenha, não se preocupe.

Olhe bem para o seu relógio, passando uma hora, o herói venceu!

Dizemos qualquer merda que queira ouvir!

Nós vendemos ilusões. Mas não a verdade!

Mas vocês, sentam-se à frente da televisão,dia após dia, noite após noite.

De todas as idades, cores e credos. Somos apenas aquilo que vocês conhecem.

Estão a começar a acreditar nas ilusões que manipulamos aqui.

Estão a começar a acreditar que a TV é a realidade, e que as vossas próprias vidas são irreais.

Fazem o que quer que seja que a Televisão vos diga para fazer…

Vestem-se como ela manda, comem o que ela manda… educam as vossas crianças como ela quer e até pensam como a Televisão.

Isto é uma loucura colectiva, seus maníacos!

Em nome de Deus, vocês, pessoas, é que são a realidade!

Nós é que somos a ilusão!

Desliguem a Televisão.Desliguem já a Televisão.

Desliguem e deixem-na desligada.

Desliguem-na no meio desta frase que estou a dizer.

Desliguem!

Monólogo televisivo do personagem “Howard Beale”, pivot de notícias da “Network News” da estação de televisão UBS, caído em desgraça por baixas audiências e auto transformado em profeta contador de notícias para obter mais audiências . Do filme “Network” de 1976.

Em baixo, monologo televisivo de Howard Beale criticando e denunciando fortemente as manobras de aquisição e troca de capital social da empresa CCA, a empresa que é dona da UBS, e que está a ser engolida por capitais árabes, que estão a injectar dinheiro para garantir a solvabilidade da CCA/UBS. A castanho está a reacção do CEO da CCA, um senhor chamado Frank Hacket.

Parem! Parem!

Escutem-me e escutem-me com atenção… porque hoje é sobre a vossa vida miserável que vou falar.

Neste país, quando uma companhia quer adquirir outra companhia… simplesmente compram o número de acções que a permitem controlar… mas antes tem que informar o governo.

Foi assim que a CCA tomou o controle da companhia que é a proprietária desta Estação de TV.

Mas agora alguém está a comprar a CCA.

Alguém chamado “Western World Funding Corporation”.

Apresentaram o pedido ao Governo esta manhã.

E quem diabo é “Western World Funding Corporation”?

É um consórcio de bancos e companhias de seguros que não estão… a comprar CCA em nome próprio,mas como testas de ferro de terceiros.

E quem são esses terceiros? Eles não dizem.

Eles não divulgam. Eles não dizem ao Senado.

Eles não divulgam à SEC, à FCC, ao Departamento de Justiça.

Daqui Hackett. Tem uma chamada de New York para mim?

Por favor, quer desligar isso?

Vou dizer-lhes para quem está a ser comprada a CCA.

Está a ser comprada para a “Companhia de Investimentos Saudita”.

Estão a comprar para os árabes!

Clarence? Aqui é o Frank Hackett.Como está tudo por ai em New York?

Como está a cidade?

Tenha calma.Não sei do que está a falar.

Quando? No programa de hoje à noite?

Clarence, acalme-se.

O “Espectáculo do Howard Beale” está agora aqui a passar. Aí passa três horas antes.

Acalme-se diabos! Como poderia ter visto? Está a passar neste momento!

Quando é que o Sr.Jensen ligou?

Todos sabemos que os árabes controlam…16 bilhões de dólares neste país.

Possuem um pedaço da Quinta Avenida, vinte pedaços de Boston… uma parte do porto de New Orleans, um parque industrial em Salt Lake City.

São os donos de grande parte das acções do Atlanta Hilton… do Arizona Land and Cattle Company, do Banco Nacional de Seguros na Califórnia… e do Banco da Commonwealth de Detroit.

Eles controlam a Aramco, e isso coloca-os na Exxon, Texaco e na Mobil Combustíveis.

Estão por todo o lado.! New Jersey,Louisville, St. Louis, Missouri.

E isso é só o que nós sabemos.Há muito mais que nem sabemos.

Porque todos aqueles dólares do petróleo são lavados…através da Suíça e do Canadá e pelos maiores bancos deste país.

Por exemplo, nada sabemos deste negócio que a CCA está a realizar…nem dos outros negócios da CCA.

Os árabes roubaram-nos tantos dos nossos dólares…que podem vir aqui e comprar com o nosso próprio dinheiro…a General Motors, IBM, ITT, AT&T…Du Pont, US Steel e 20 outras Companhias Americanas.

Inferno, eles já possuem metade da Inglaterra!

Escutem-me.

Raios partam, escutem-me!

Os árabes estão simplesmente a comprar-nos.

Só há uma coisa que pode pará-los! Vocês!

Vocês!

Por isso eu quero agora que vocês se levantem.

Quero que se levantem das cadeiras.

Eu quero que se levantem e vão directamente para o telefone.

Levantem-se dos sofás e vão para o telefone…vão para os vossos carros e vão até aos escritórios da Western Union.

Quero que vocês mandem um telegrama para a Casa Branca.

– Oh, meu Deus.Há meia-noite de hoje…

eu quero um milhão de telegramas na Casa Branca!

Quero-os ver cheios de telegramas até aos joelhos, na Casa Branca.

Eu quero que se levantem agora e escrevam um telegrama para o Presidente Ford a dizer “Estou muito zangado e não vou mais aturar isto”!

Não quero que os bancos vendam o meu país aos árabes!

Quero que o negócio da CCA seja cancelado já!”

Quero que o negócio da CCA seja cancelado já!”

Vamos lá. Quero que o negócio da CCA cancelado já!

Beale consegue parar o negócio através do seu apelo televisivo. A administração da CCA reúne-se em gabinete de crise. Jensen, o chefe do conglomerado exige que Howard Beale seja conduzido à sua presença e intimida Howard Beale aproveitando-se da situação para reverter o problema a favor da “corporação”. O pedaço de texto é notavelmente bem escrito – o filme data de 1976. Em 1976, já se percebia o que se viria a passar.

Mas, em relação a este negócio da CCA….com os Sauditas, você sabe muito mais sobre isso do que eu, Frank.

É verdade?

A CCA pediu 2 bilhões em empréstimos aos Sauditas…e eles garantem cada pedido que lhes fazemos.

Nós precisamos desesperadamente daquele dinheiro dos sauditas.

O programa foi um desastre.

Um desastre inigualável! O toque da morte.

Estou arruinado. Morto. Terminado.

Talvez estejamos a sobrevalorizar o sucesso do Beale junto do público.

Há uma hora, Clarence McElheny ligou-me de Nova York.

Eram 10:00 no Leste e o nosso pessoal na Casa Branca…informou-nos que estão entupidos em telegramas até aos joelhos.

Até amanhã de manhã estarão sufocados em telegramas!

O governo pode parar o negócio?

Podem atrasá-la. A SEC pode atrasá-la por uns 20 anos se assim o quiser.

O Senhor Jensen quer encontrar-se pessoalmente com o Howard Beale.

Ele quer o Sr.Beale no escritório dele às 10:00 de amanhã.

A Revelação Final está ao dispor!

Eu vi as estarrecedoras visões da Clareza Final.

A grande luz está a chegar. Eu testemunhei a luz!

Bom dia Sr.Beale.Disseram-me que o senhor é louco.

Apenas desligado do resto das pessoas.

Como se sente agora? Estou louco como o chapeleiro.

Quem não está.

Vou levá-lo à nossa sala de conferências.

Parece-me um lugar mais apropriado para o que eu tenho a dizer-lhe.

Eu comecei como vendedor.

Vendi máquinas de costura,partes de automóveis…

secadores de cabelo e equipamentos electrónicos.

Dizem que posso vender qualquer coisa.

Gostaria de tentar vender-lhe uma coisa.

A sala de estar do Deuses, Senhor Beale.

Por favor, sente-se.

Você interferiu com as forças primitivas da natureza Sr. Beale…e eu não o admito!

Está claro?

Você acha que apenas parou uma negociação?

Não! Não foi só isso.

Os árabes tem estado a tirar bilhões de dólares deste país…e agora tem que devolvê-los!

É a lei da gravidade, aquilo que sobe tem que descer. É o balanço ecológico!

Você é um homem velho…que pensa em termos de nações e pessoas.

Não existem nações.Não existem pessoas.

Não existem russos.Não existem árabes.

Não existe terceiro mundo.Não existe Oeste.

Só há um sistema holístico de sistemas!

Um vasto e imanente,interligado, interagindo…multi-variante, multinacional domínio de dólares!

Dólares do petroleo, electro-dólares,multi-dólares.

Marcos, Ienes, Rublos, Libras e Shekels!

É o sistema internacional de moeda…que determina a totalidade da vida neste planeta.

Esta é a ordem natural das coisas actualmente.

Esta é a estrutura atómica…sub-atómica e galáctica das coisas hoje em dia.

E você interferiu…com as forças primitivas da natureza!

E você vai retractar-se!

Estou a fazer-me compreender?

Então ponha-se em bicos de pés na sua televisãozinha de 21 polegadas…e uive acerca da América e sobre a democracia.

Não existe América.

Não existe democracia.

Só há IBM e ITT…e AT&T…e Du Pont, Dow, Union Carbide…e Exxon.

Essas são actualmente, as nações no mundo.

O que é que pensa que os russos falam nos seus conselhos de estado?

Karl Marx?

Eles deixam à solta os seus gráficos lineares de programação…as teorias de decisão estatísticas, as soluções minimalistas e calculam…as probabilidades do custo-benefício das suas transacções e investimentos, como nós.

Nós já não estamos a viver num mundo de nações e ideologias, Sr.Beale.

O mundo…é um conglomerado de corporações…inexoravelmente determinado…pelas leis imutáveis dos negócios.

O mundo é um negócio.

Tem sido desde que o homem saiu das cavernas.

E as nossas crianças viverão, Sr.Beale…para ver…o mundo perfeito…onde não haverá guerra ou fome…opressão ou brutalidade.

Uma vasta e ecuménica “companhia-mãe”…pela qual todos homens irão trabalhar para servir um lucro comum…e no qual cada homem terá a sua quota-parte de acções…todas as necessidades satisfeitas…

todas as ansiedades aquietadas…todos aborrecidamente divertidos.

E eu escolhi-o, Sr.Beale…para pregar esse evangelho…

Porquê eu?

Porque você está na televisão, seu idiota!

60 milhões de pessoas assistem ao seu programa…todas as noites, de segunda à sexta.

Eu vi a face de Deus.

Pode estar certo, Sr.Beale.

Jensen faz um discurso que se pode chamar de neoliberalismo económico, e atemoriza Howard Beale, ficando este a pensar que Jensen é Deus ou fala através de Deus.

Naquela noite, Howard Beale foi para o ar…para pregar a “Corporação Cosmológica” de Arthur Jensen. (Narrador do filme)

Na última noite eu pedi-lhes que lutassem pelo que é nosso por direito.

E vocês lutaram e isso foi muito bonito.

6 milhões de telegramas chegaram à Casa Branca.

A tentativa dos árabes de controlar a CCA parou.

O povo falou, o povo ganhou.

Foi uma brilhante erupção da democracia.

Mas acho que isso já chega, amigos.

Esse tipo de coisa não é provável acontecer de novo…porque no fundo das nossas almas aterrorizadas…sabemos que a democracia é um gigante que está a morrer…um conceito político decadente…escrevendo a sua agonia final.

Não quero dizer que os EUA estão terminados como uma potência mundial.

Os EUA são o mais rico e avançado país no mundo…anos-luz à frente de qualquer outro país…e os comunistas não vão dominar o mundo porque eles estão mais mortos que nós.

O que está terminada…é a ideia de que este grande país…está dedicado à liberdade que há de florescer em cada indivíduo que vive nele.

É o indivíduo que está terminado.

É ser humano, singular, solitário que está terminado.

É cada um de vós que está terminado.

Porque esta já não é uma nação de indivíduos independentes.

É uma nação de 200 milhões transistorizados, desodorizados…mais-brancos-que-o-branco, corpos cercados de metal…totalmente desnecessários como seres humanos…e pistões de metal facilmente substituíveis.

Bem, é chegada a hora de se dizer…será que a “desumanização” é uma palavra tão má assim?

Má ou boa, é isso que está a acontecer.

O mundo inteiro está-se a tornar humanóide…criaturas que parecem ser humanas mas não são.

O mundo todo, não só nós.

Nós só somos os mais avançados e por isso estamos a chegar lá primeiro.

Todas as pessoas do mundo estão a ser produzidas em massa…programadas, numeradas e …e foi um argumento admissível que Howard Beale …pregou nos dias que se seguíram.

Foi, no entanto, também muito depressivo.

Ninguém ficou particularmente interessado em ouvir que a sua vida não tinha valor.

O filme termina após o conselho de administração perante a recusa de Jensen em retirar Howard Beale do ar, decide à revelia do chefe máximo patrocinar o assassinato de howard Beale em directo, na televisão , juntando o útil ao agradável……

Anúncios

Written by dissidentex

02/07/2008 às 14:44

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: