DISSIDENTE-X

IGREJA DOS FUMADORES DE DEUS

leave a comment »

Existem atitudes interessantes nas sociedades Ocidentais. Interessantes e totalitárias. Cada vez mais totalitárias. Uma dessas atitudes consiste em tornar a vida desagradável para pessoas que tenham certos e determinados vícios que foram actualmente designados como “não bem vistos” pelo Estado e pela sociedade.

” Os que bebem álcool, os que fazem sexo, os que comem gordura, os que não fazem exercício físico, os que não sorriem e não estão sempre bem dispostos, os que não consomem ou adquirem bens materiais são pessoas que devem ser hostilizadas.” Em TABACO SÓCRATES”

Uma das maneiras de atacar os “viciados” divide-se em duas partes.

(1) é tratá-los como “o outro perigoso”, de hábitos estranhos e não assépticos que deixaram de ser considerados socialmente aceitáveis.

(2) Outra é “passar a acção” e fazê-los sentir-se desconfortáveis proibindo-os de “satisfazer o seu vício” em locais públicos e privados a um ponto tal que a pessoa declarada viciada (seja ou não isso) se sente cercada.

Numa outra dimensão surge outro perigo.

Este tipo de atitude totalitária dá origem a que os verdadeiros maus prazeres praticados de forma irrestrita, como o consumo de drogas duras, para dar um exemplo; são apresentados à sociedade como não perigosos.

Enquanto tal acontece, o tabaco, entre outras coisas são demonizados.

O resultado: o sinal enviado para a sociedade é confuso e híbrido.

Fazes extremamente mal em fumar, mas proporcionalmente não fazes mal em tomar drogas.

Fazes mal em comer gordura em excesso, mas não fazes mal em fazeres implantes de silicone, ou apanhar sol em solários ou qualquer outro “negócio” actualmente considerado aceitável do mesmo estilo.

A falta de sentido lógico das leis e de uma ideia de sociedade origina (alguma) resistência a estas formas subtis de condicionamento e totalitarismo.

Apesar da passividade geral relativamente a estes assuntos – uma vez que é difícil marcar manifestações contra isto…

Apesar de tudo considero que deveriam existir mais reacções e mais “engenhosas” de boicote social.

E aqui chegamos a um proprietário de um café na Holanda que decidiu fazer isso mesmo.

Subverteu uma lei, que por sí só já está subvertida.

Criou uma igreja, com uma nova religião: fumadores. Jornal Destak de 16- 07 – 2008

Anúncios

Written by dissidentex

25/09/2008 às 13:12

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: