DISSIDENTE-X

VIOLÊNCIA POLICIAL NA DAMAIA – 12 – 02- 2009

leave a comment »

No dia 12 de Fevereiro de 2009, entre as 10.30 e as 11 horas, na Damaia, na Rua Vieira Lusitano, junto a uma rotunda ridícula, com uma oliveira no meio, aconteceu uma coisa extraordinária.
Ao que parece, dois pretos, mas bem vestidos e com um carro de alta cilindrada, foram interceptados nessa rotunda, por uma viatura da polícia.

Ao que parece, a viatura policial vinha em busca dos já referidos, porque terão, na Damaia de baixo ou noutro lugar qualquer, atropelado alguém e  em seguida ausentaram-se do local.

Ø

O problema é o que se passou a seguir.

Os membros da forças policiais que vinham em perseguição, mandaram  ou conseguiram mandar parar o carro e fazer sair os ocupantes. Ao mesmo tempo chegou outro carro da polícia, com mais 4 polícias, e alguns deles começaram “imediatamente” a bater num dos ocupantes do carro.

Este, por sua vez, virou-se a um deles e mandou um murro no mesmo o que gerou mais pancada dos policias nessa pessoa, que – entretanto – já estava caída no chão.

Depois chegaram mais policias (a esquadra fica a 150 metros deste local, se tanto ) e já tínhamos uns 15 policias ali. E finalmente após os dois perigosos meliantes terem sido dominados, dado que estavam em superioridade numérica contra uns 15 polícias (2 contra 15 é superioridade numérica dos 2…como se sabe) ainda apareceu mais uma carrinha daquelas de transporte de presos ou policias mas que tem uns 14 lugares, cheia de mais policias, para tratar desta “ocorrência”.

Umas 30 criaturas policiais para dominarem e subtraírem ao convívio social, duas pessoas…

É claro que, em Tribunal, estas pessoas ganharam hipótese de se safarem, uma vez que a “detenção” não foi “limpa”…

Tudo isto sucedeu em pleno dia, com umas 100  ou mais pessoas a assistir entre as quais crianças e entre as quais a minha mãe que me contou o que viu e o que se passou.

Estando espantada pela forma como isto estava a ser resolvido ali á frente dos olhos de todos e dos dela, exclamou para quem a ouvisse que achava muito bem que prendessem as pessoas se tinham feito mesmo aquilo que tinham feito, mas que não existia:

A) necessidade de se estar a bater em pessoas durante largo tempo e com as pessoas caídas no chão e a ficarem cheias de sangue;

B) e muito menos aquele “aparato” todo em que se juntaram mais de 20  ou 30 polícias  para prenderem duas pessoas. (ficando o transito condicionado durante quase uma hora)

E aí surge aquilo em que este país se está a tornar. Outra pessoa que ouviu concordou e uma terceira pessoa, começou a mandar vir – violentamente – com a minha mãe, com umas expressões do tipo “a senhora é como eles”, deviam era levar mais, etc, e segundo as palavras da minha mãe quase a espumar da boca da forma como falava.

Ø

A nota mais “totalitária” disto é o facto de mais de 100 pessoas  estarem a assistir a “isto”  e nenhum protesto, antes aprovação, ou no mínimo” indiferença”.

E como é óbvio, isto não aconteceu, não existiram “câmaras de filmar” a veicular este assunto…

Por acaso eram pretos os que foram atacados, queria saber se com brancos reagiriam os transeuntes da mesma maneira – suspeito que sim.

Este é o “magnifico ambiente” que temos em Portugal.

Ø

Um ambiente de claro atraso totalitário, de claro atraso na implementação do processo totalitário, que não nos honra nesta busca constante por sermos como sociedade cada vez mais totalitários (é evidente que estou a ser irónico e amargo…)

Portanto olhemos para um paradigma da modernidade totalitária, reciclada. A Itália.

Olhemos duas vezes…

queimar-imigrantes-max-spencer-dohner

italia-max-spencer-dohner

Em Itália, país desenvolvido, a coisa já é mais moderna.

Já existe a “acção directa” das pessoas, em vez da polícia, e o Estado italiano – mais avançado – dedica-se á parte burocrática-administrativa.

As fontes da imagem são:

Devaneios desintéricos AQUI e AQUI.

Mas devemos ter esperança.

Mais uns 4 anos de partido socialista e “novas oportunidades totalitárias”  por aí á solta… e chegaremos lá.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: