DISSIDENTE-X

CALL CENTERS IRÃO CONTACTAR PESSOAS ATÉ àS 22 HORAS

leave a comment »

O nosso magnânimo governo pensa em nós.

Alvissaras, senhor.

Decidiu inserir na sociedade portuguesa novos horários de atendimento feitos a partir de Call Centers.

Notícia jornal Público de 11 – 03 – 2009

call-centers-contactam-ate-as-22-horas

Chamou-lhes “novos limites à venda de serviços e produtos” (o argumento de venda é apresentado desta forma invertida) e decidiu – sempre a pensar no nosso bem – que os contactos apenas poderão ser feitos entre as 9 horas da manhã e as 22 horas da noite.

Parece que antes, existiam abusos e condutas impróprias.

Como tal legaliza-se o abuso e a conduta imprópria.

Eu, e a generalidade da população como eu, que não desejo ser contactado por Call centers, a hora nenhuma, sou assim prejudicado (e outras pessoas), porque uma lei feita para agradar aos interesses comerciais de empresas, passa a permitir-lhes que me chateiem a cabeça durante todo o dia e uma parte da noite.

E ainda se diz que isto são limites…

E ainda existem pérolas e fantásticas promoções que nos são dadas; senão veja-se:

“…Outro aspecto relevante para o consumidor é a proibição do consumidor esperar mais de 60 segundos após o atendimento da chamada e antes de chegar a um operador, uma vez que a partir desse momento é o consumidor que está a pagar a chamada.”

De facto isto é extremamente vantajoso.

Não desejando eu, logo desde o inicio, ser contactado pelo call center, sou agora obrigado a aturá-los desta maneira “legal” que é descrita acima. Que passou a  ser legalizada.

No artigo Publicidade – Lista Robinson, que eu publiquei há uns tempos era explicado que existe a possibilidade legal de uma pessoa se colocar numa lista de exclusão – declara que não quer ser contactada por marcas e serviços.

O nosso piramidal governo não obriga as empresas a aderirem todas a esta entidade que gere a lista – a Associação Portuguesa de marketing directo, nem obriga a que exista divulgação da existência da lista de exclusão.

Para que depois as pessoas possam LIVREMENTE optar estar excluídas de contactos ou não estarem excluídas de contactos.

Não. Mas claro que não.

É melhor uma situação em que quase ninguém sabe que a lista de exclusão/ lista Robinson existe.

Vem apenas “cozinhar” uma técnica própria de chicos espertos para legalizar os contactos telefónicos a pessoas que não os querem ter que aturar, pretendendo com isso fazer crer que está a proteger os consumidores e os cidadãos, estabelecendo “regras”.

Dar a hipótese de os cidadãos escolherem não ser contactados (isto é, serem informados disso, dessa opção) não aparece nesta nova legislação…

Devemos desconfiar de um governo – seja de que partido for – que acha que nós não devemos saber…

Anúncios

Written by dissidentex

31/03/2009 às 16:48

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: