DISSIDENTE-X

O PSD, PEDRO PASSOS COELHO, JOÂO DUQUE E OS CONSTANTES ZIGUEZAGUES DA REESTRUTURAÇÂO DA DíVIDA

Com Sócrates Portugal arrisca-se a reestruturar dívida

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, considerou esta quinta-feira que com atitudes como a do primeiro-ministro, José Sócrates, Portugal arrisca-se a falhar o acordo de ajuda externa e a ter de reestruturar a sua dívida.

O presidente do PSD disse que isso «é falso» e que «se este tipo de atitude se mantiver nos próximos anos aquilo vai acontecer ao cumprimento deste acordo» é o que aconteceu com compromissos anteriores do actual Governo, ou seja, não vai ser cumprido.

«Continuaremos a falhar e, se continuarmos a falhar, então já não é só a bancarrota, então é um desastre por muitos anos em Portugal, é aquilo a que o Bloco de Esquerda e o Partido Comunista chamam a reestruturação da dívida», considerou.

Ø

Pedro Passos coelho, em campanha eleitoral, declarações à comunicação social, dia 12 de Maio de 2011

Ø

– Acredita então que Portugal vai seguir a Grécia na questão da reestruturação?

– Portugal vai ter de reestruturar a dívida.

Ø

João Duque, apoiante de Pedro Passos coelho, putativo candidato a ministro das finanças ou a qualquer coisa que esteja disponível, declarações à comunicação social, dia 13 de Junho de 2011.

Ø

Entre umas declarações e outras passaram apenas 2 meses e um dia…

Ø

Nenhum jornalista gostaria de fazer o seu trabalho e começar a questionar o senhor que é primeiro ministro acerca destas contradições  constantes?

Anúncios
%d bloggers like this: