DISSIDENTE-X

OS CLIENTES DO PSD COMEÇAM A CHEGAR-SE À FRENTE (1)

A privatização da RTP vai ser um dos temas fracturantes na sociedade portuguesa nos próximos tempos, mas não do ponto de vista social, como a interrupção voluntária de gravidez.

Será fracturante do ponto de vista financeiro e político, entre os grupos que controlam os dois canais privados e os dez milhões de portugueses que pagam, com os seus impostos, o orçamento da televisão pública.

Passos Coelho anunciou em campanha eleitoral que quer privatizar a televisão pública, mas a discussão – que ainda nem sequer começou – entre a RTP como a conhecemos hoje, e financiada como é hoje, e uma RTP privada tem de ser precedida do que se quer para o serviço público.

Ø

António Costa, jornalista do Diário económico, artigo de opinião a favor do patrão, dia 14 de Junho de 2011.

Ø

Jovens da SEDES defendem consenso com oposição e lançam Vítor Bento para as Finanças.

Lisboa, 14 jun (Lusa) – O núcleo de jovens da SEDES apelou hoje ao Presidente da República e ao futuro Governo para que promovam o consenso com os partidos da oposição e com os parceiros sociais, lançando Vítor Bento para o Ministério das Finanças.

Ø

Notícia do Jornal Expresso, dia 14 de Junho de 2011

Ø

A empresa “diário económico” é pertença da empresa “Ongoing” – uma empresa interessada em ter um canal de Televisão.

A empresa Expresso pertence ao grupo económico Sic, pertença de Pinto Balsemão que não quer concorrentes privados a competir com a sua estação de televisão.

A Sedes é uma pseudo associação de reflexão que vive à conta dos louros associados a ter participado em algo que os próprios julgam ter sido muito importante há muitos anos atrás e que foi considerado por alguns ter sido muito importante há muitos anos atrás.

Ø

Por enquanto apenas dois grupos se manifestaram em relação a quererem que o PSD os satisfaça.

Mais vem a caminho.

Anúncios
%d bloggers like this: