DISSIDENTE-X

PSD, PEDRO PASSOS COELHO: NÃO VAMOS FAZER QUEIXAS DO PASSADO,MAS AFINAL FAZEMOS ISSO…

Em campanha eleitoral, Pedro Passos Coelho afirmou sempre que não iria fazer queixas publicas do anterior governo, quando ele próprio e o PSD chegassem ao governo.

Ø

O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, afirmou na terça-feira à noite perante o Conselho Nacional do PSD que o seu Governo encontrou um “desvio colossal em relação às metas estabelecidas” para as contas públicas.

De acordo com um dos elementos presentes na reunião do Conselho Nacional do PSD, que decorre num hotel de Lisboa, Passos Coelho reiterou que o Executivo não se vai queixar da “herança” do PS, mas não deixou de fazer uma observação sobre o estado das contas públicas portuguesas.

Ø

Declarações à comunicação social, 13 de Julho de 2011

Ø

Ø

O presidente da comissão de acompanhamento do programa da ”troika” disse hoje que um “desvio colossal” é o PSD “usar o passado para justificar” medidas de austeridade, ao contrário do que prometeu fazer.

“O Governo disse há não muito tempo que não ia usar o passado para justificar as suas ações. Se o começa a fazer, esse sim, é um desvio colossal”, afirmou Vieira da Silva no final da comissão parlamentar que acompanha a implementação do programa acordado com a ”troika” do Banco Central Europeu, Comissão Europeia e Fundo Monetário Internacional.

Ø

Vieira da Silva, declarações à comunicação social, dia 13 de Julho de 2011

Anúncios

Written by dissidentex

13/07/2011 às 17:54

%d bloggers like this: