DISSIDENTE-X

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA CAVACO SILVA PARECE QUE MORREU, PAZ À SUA ALMA…

Ø

PEDRO PASSOS COELHO - A OPOSICAO

Ø

Uma das excelentes maneiras de fazer durar o actual governo consiste em criar manobras de diversão.

Uma das magnifícas manobras de diversão consiste em tentar convencer pessoas a criticarem sem qualquer complacência o defunto Presidente da República.

Enquanto se quer entreter pessoas a atacarem o defunto Presidente da República,  os traidores cozinham 4 mil milhões de cortes.

Fora o resto.

O defunto é cumplice, mas não é o único responsável.

Ø

E porque nao deve ser atacado o defunto?

Deve ser atacado.

Mas se isso servir para desviar as atenções não.

Mas a oposição que temos alinha no desvio das atenções.

Tambem lhe dá jeito.

Merecem-se uns aos outros.

Ø

DA TRAIÇÂO

Written by dissidentex

11/03/2013 at 20:00

O PARLAMENTO EUROPEU A ATACAR A LIBERDADE DE EXPRESSÃO UTILIZANDO A PORNOGRAFIA COMO ARMA DE ARREMESSO

Ø

1

“Fui um funcionário público na Comunidade Europeia e conheço a máquina por dentro. É uma espécie de novo soviete. Os seguidores da Escola de Chicago são cheios de contradições, querem fomentar a livre concorrência como funcionários públicos”
Michel Godet, especialista em prospectiva

Ø

2

PARLAMENTO EUROPEU - PORNOGRAFIA - LIBERDADE DE EXPRESSAO.JPG

Notícia da comunicação social, sobre a pornografia do Parlamento europeu, dia 8 de março de 2013

Ø

3

Antes dizia-se:

Defesa da moral, dos valores da família e dos bons costumes.

Actualmente diz-se:

“eliminar estereótipos, igualdade de género, condição femininina, exploração da mulher

Ø

4

“Ladies and gentlemen of the jury, you’ve heard a lot here today and I won’t try to go back over it all. But you have to go back in that room and make some decisions and there is one thing I want to make very clear to you before you do. I’m not trying to convince you that you should like what Larry Flynt does. I don’t like what he does. But what I do like is… that I live in a country… where you and I can make that decision for ourselves. I like that I live in a country where I can pick up Hustler magazine… read it if I want… or throw it in the trash, if that’s where I think it belongs. Or better yet I can express my opinion by not buying it. I like that right. I care about it. And you should care about it, too… because we live in a free country. We say that a lot, but sometimes we forget what that means, so listen again. We live in a free country. That is a powerful idea. That’s a magnificent way to live. But there is a price for that freedom, which is that sometimes… we have to tolerate things that we don’t necessarily like. So go back in that room… where you are free to think whatever you want to think… about Larry Flynt and Hustler magazine. But then ask yourselves if you want to make that decision for the rest of us… because the freedom that everyone in this room enjoys… is, in a very real way, in your hands. If we start throwing up walls against what some of us think is obscene… we may wake up one morning and realize… that walls have been thrown upin places we never expected… and we can’t see anythingor… do anything. And that’s not freedom. That is not freedom. So, be careful. Thank you.”

Ø

5

De boas intenções está o Inferno cheio.

E o que está verdadeiramente em causa é o conteudo do discurso acima.

KAKISTOCRACIA OU O PORTUGAL ACTUAL, NO ANO DE 2013 (O CDS e o PSD tem que ir embora)

Ø

PEDRO PASSOS COELHO -  ODIO A TODOS

Ø

Definição de Kakistocrata:

“o governo dos piores, dos mais ignorantes e dos mais corruptos”.

Ø

pedro-passos-coelho- KAKISTOCRATA

PEDRO PASSOS COELHO E ANTÓNIO JOSÉ SEGURO: DOIS IDIOTAS A DISCUTIREM O AUMENTO DO SALÁRIO MÍNIMO NO DEBATE QUINZENAL DE DIA 7 DE MARÇO DE 2013

Ø

PEDRO PASSOS COELHO - ANTONIO JOSE SEGURO - DOIS IDIOTAS

Ø

No arroto verbal de dia 7 demarço de 2013, também conhecido por debate quinzenal na Assembleia da República, onde grande parte dos eleitos pela população evidenciam a sua enorme estupidez e ignorância acerca de qualquer assunto que se discuta no local, o líder da oposição?!?!? designado por sorteio ou lá o que foi aquilo que o elegeu, fez uma proposta sobre a austeridade e o salário mínimo.

Iria combater a austeridade com o aumento do salário mínimo. (Esqueceu-se de dizer como o faria…)

Ø

A coisa que é primeiro ministro decidiu responder demonstrando que está determinado em continuar a gozar os portugueses.

Respondeu ao líder da oposição?!?!? designado por sorteio ou lá o que foi aquilo que o elegeu que:

 – aumentar o salário mínimo aumenta o desemprego e diminuir o salário mínimo aumenta o desemprego.

Podemos também acrescentar que manter tudo como está ou seja, manter  o salário mínimo no valor actual, tambem aumenta o desemprego.

Se chover ou fizer sol, tambem aumenta o desemprego.

Se chover ou fizer sol nao aumenta o desemprego.

1X2

Tambem podemos dizer que o contrário de estar vivo é estar  morto.

Ø

MAPA DO SALARIO MINIMO - EUROSTAT JANEIRO DE 2013

Mapa do salário minimo na Europa, dados Eurostat AQUI

Written by dissidentex

07/03/2013 at 20:54

PEDRO PASSOS COELHO – “Quem impõe tantos sacrifícios às pessoas e não cumpre, merece ou não merece ser responsabilizado civil e criminalmente pelos seus actos?

Ø

PEDRO PASSOS COELHO - RESPONSABILIZACAO CRIMINAL DE QUEM IMPOE SACRIFICOS.JPG

“Se nós temos um Orçamento e não o cumprimos, se dissemos que a despesa devia ser de 100 e ela foi de 300, aqueles que são responsáveis pelo resvalar da despesa também têm de ser civil e criminalmente responsáveis pelos seus actos e pelas suas acções”, referiu Pedro Passos Coelho, que falava em Viana do Castelo, durante um jantar promovido pelo PSD de Barcelos.

Na sua intervenção, Passos Coelho sublinhou ainda que o país precisa de uma cultura de responsabilidade. “Não podemos permitir que todos aqueles que estão nas empresas privadas ou que estão no Estado fixem objectivos e não os cumpram. Sempre que se falham os objectivos, sempre que a execução do Orçamento derrapa, sempre que arranjamos buracos financeiros onde devíamos estar a criar excedentes de poupança, aquilo que se passa é que há mais pessoas que vão para o desemprego e a economia afunda-se”, referiu.

Para o líder social-democrata, “não se pode permitir que os responsáveis pelos maus resultados “andem sempre de espinha direita, como se não fosse nada com eles”. “Quem impõe tantos sacrifícios às pessoas e não cumpre, merece ou não merece ser responsabilizado civil e criminalmente pelos seus actos?”, questionou.

Passos Coelho apelou também ao Governo para “dar um sinal de consciência e de rigor” na execução do Orçamento do Estado para 2011, para que Portugal recupere a confiança de credores e mercados. “É muito importante, nesta altura, que o Governo possa dar um sinal de consciência e de rigor na execução do Orçamento”, referiu, sublinhando que é desse sinal que os credores e os mercados estão à espera.

“Precisamos, enquanto país, que os nossos credores acreditem que aquilo que prometemos fazer, ao contrário do que aconteceu no passado, vai mesmo ser cumprido”, sublinhou o social-democrata, que disse esperar “sinceramente” que esse objectivo seja atingido.

Ø

Notícia da comunicação social, dia 6 de Novembro de 2010

Ø

pedro-passos-coelho-responsabilização criminal dos actos

EX-PRESIDENTE DO BCP LIDERA MOVIMENTO DOS REFORMADOS MILIONÁRIOS INDIGNADOS QUE GOZAM COM OS RESTANTES PORTUGUESES…E UM VERDADEIRO REFORMADO INDIGNA-SE COM ELE…

Ø

PEDRO PASSOS COELHO - OS BANQUEIROS SAO NOSSOS AMIGOS

Ø

FILIPE PINHAL - REFORMADOS .jpg

Um antigo bancário do BCP interveio hoje na conferência de imprensa organizada pelo movimento dos reformados indignados, recém-criado para contestar a polémica contribuição extraordinária de solidariedade (CES), para acusar os presentes de não conhecerem a vida real.

“Estão a falar de valores que me confrangem. 20, 25 mil euros não vos chegam? Há pessoas que vivem com 400 euros” por mês, apontou o ex-bancário.

Fernando Loureiro, que diz também ser afectado pela contribuição extraordinária de solidariedade, acusou os presentes de “já terem mamado muito à conta do zé trabalhador. Vocês não conhecem a vida real. São uns tristes”.

Num tom exaltado, fez várias acusações aos presentes: “vocês adulteravam os balanços no banco. Vocês criaram ‘offshores’. Vocês não prestam, julgam-se uns deuses na terra”.

Dirigindo-se directamente a Filipe Pinhal, um dos representantes do movimento dos reformados indignados, disse-lhe que “eu estive no BCP, você conhece-me. O Jardim [Gonçalves] ganha 165 mil”, o antigo vice-presidente “diz-se que 70 mil. E agora estão aqui coitadinhos? Desculpe lá mas isto é uma fantochada”.

Em resposta à altercação, Filipe Pinhal recusou que quem ganhe mais dinheiro perca o direito à palavra e a manifestar-se. “Temos os mesmos direitos que os demais têm”, afirmou. Além disso, acrescentou, o movimento representa pessoas com um leque muito variado de rendimentos.

Afonso Diz, do Sindicato Nacional dos Quadros Bancários, que se associou ao movimento, defendeu que os fundos de pensões da banca são privados e não são pagos pelo Estado. *

Ø

  * Nota minha: desde 2011 que os fundos de pensões ão estatais*

Foi assim por pressões e influência do BCP  e como necessidade para enganar as pessoas ( a população ) e passar os encargos com pensões do privado para o poblico.

Pelo meio o BCP e os restantes bancos tiveram durante maisde 20 anos 3 a4mil milõesde euros para brincarem e ganharem dinheiro com isso.

Ø

TRAICAO E BANQUEIROS

EX-PRESIDENTE DO BCP LIDERA MOVIMENTO DOS REFORMADOS MILIONÁRIOS INDIGNADOS QUE GOZAM COM OS RESTANTES PORTUGUESES…

 

FILIPE PINHAL - BANQUEIROS INDIGNADOS.JPG

Ø

Notícia da comunicação social, dia 2 demarço de 2013, sobre os problemas de banqueiros milionários e as suas reformas douradas.

Ø

FILIPE PINHAL - REFORMA MODESTA DE 14 MIL EUROS.JPG

Não é suficiente? Não é um bom  contributo de solidariedade de Pinhal para acorrer à situação em que o país se encontra?

Filipe Pinhal, na condição de bancário indignado, é hoje o melhor apoiante de Passos Coelho.   

Certamente que o primeiro-ministro lhe diria: Oh homem indigne-se. Grite mais alto, dê entrevistas nos jornais, vá às televisões a ver se o governo consegue passar a mensagem.

Este mês, o Tribunal Constitucional deverá pronunciar-se sobre a inconstitucionalidade, ou não, da contribuição especial de solidariedade.

Será a salvação para os 70 mil euros de Pinhal?

Se o for, salvando também milhares de euros de muitas outras pensões milionárias, como vai o Tribunal Constitucional explicar aos portugueses a sua decisão?

Recorde-se que em França, há dois meses, o Tribunal Constitucional francês (Conselho Constitucional) pronunciou-se sobre matéria semelhante, em relação ao imposto de 75% para os milionários franceses, e aparentemente não decidiu pela inconstitucionalidade do mesmo (em violação do princípio da proporcionalidade), preferindo levantar a questão da igualdade entre os mais ricos em virtude do imposto ter uma base pessoal e não levar em conta os rendimentos do agregado familiar do milionário.  

Ø

Notícia completa da comunicação social, sobre as dificuldades de se viver com 14 mil euros por mês de um banqueiro milionário, dia 4 de março de 2013

Ø

FILIPE PINHAL - ANTIGOS GESTORES DO BCP GANHAM 6.5 MILHOES POR ANO.JPG

Ø

Notícia da comunicação social, sobre as dificuldades financeiras dos antigos gestores doBCP